Terça-feira
22 de Junho de 2021 - 

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Previsão do tempo

Hoje - Brazlandia, DF

Máx
27ºC
Min
13ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Brazlandia,...

Máx
27ºC
Min
14ºC
Predomínio de

Quinta-feira - Brazlandia,...

Máx
24ºC
Min
13ºC
Nublado

Hoje - Gama, DF

Máx
27ºC
Min
13ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Gama, DF

Máx
27ºC
Min
14ºC
Predomínio de

Quinta-feira - Gama, DF

Máx
24ºC
Min
13ºC
Nublado

Hoje - Nucleo Bandeirante,...

Máx
27ºC
Min
13ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Nucleo Band...

Máx
27ºC
Min
14ºC
Predomínio de

Quinta-feira - Nucleo Band...

Máx
24ºC
Min
13ºC
Nublado

Hoje - Taguatinga, DF

Máx
27ºC
Min
13ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Taguatinga,...

Máx
27ºC
Min
14ºC
Predomínio de

Quinta-feira - Taguatinga,...

Máx
24ºC
Min
13ºC
Nublado

Hoje - Brasília, DF

Máx
27ºC
Min
14ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Brasília, ...

Máx
27ºC
Min
14ºC
Predomínio de

Quinta-feira - Brasília, ...

Máx
24ºC
Min
14ºC
Nublado

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,04 5,04
EURO 6,00 6,00

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . . . . .
Dow Jone ... % . . . . . . .

Newsletter

OFICIAIS DE JUSTIÇA REGISTRAM 70 MORTES PELA COVID NO BRASIL

Os Oficiais de Justiça registraram, nesta quinta-feira (06), 70 mortes por infecção da Covid-19 no Brasil. O Oficial Francisco Arruda, não resistiu às complicações da doença e faleceu na cidade do Rio de Janeiro.   Arruda era servidor da Justiça Federal desde 1989, lotado na Seção Judiciária do RJ, tendo exercido a função na capital e Subseção de Niterói. Segundo informações do Sisejufe/RJ, o Oficial estava internado na UTI e entubado há dias.   Era um dos Oficiais de Justiça mais respeitados no estado em razão da longa experiência ininterrupta no cumprimento de mandados. Sempre foi um profissional de trabalho, que pidia as experiências com os colegas e se disponibilizava a colaborar em diligências mais complexas.   O diretor do Sisejufe/RJ Licius Coelho teve a oportunidade de conviver e trabalhar com Arruda. “Conheci Francisco Arruda no início da década de 80, na Universidade Federal Fluminense. Cursamos a Faculdade de Direito na mesma época, e ainda como estudantes universitários estabelecemos relação pessoal. Voltamos a nos encontrar quando tomei posse na SJRJ em 1994, e ele já era um Oficial de Justiça. Voltamos a nos relacionar de forma mais próxima quando eu fui transferido a Niterói e fomos companheiros na mesma Central de Mandados desde 1997. O Arruda sempre teve um atuação nos assuntos que diziam respeito ao segmento dos oficiais de justiça. Como companheiro de trabalho era um dos mais experientes de Niterói, e tinha uma característica marcante. Sempre estava disposto a colaborar com um colega na solução de problemas, orientando ou mesmo se disponibilizando a acompanhar o colega na diligência. Sua ausência não será preenchida, e deixará um vazio entre os oficiais de justiça que trabalham em Niterói”, lamentou.   Francisco Arruda deixa uma filha ainda menor de idade.   Falecimento no TJMG - Na terça-feira (04), o oficialato também perdeu Jorge Alberto Rancone de Souza, lotado na comarca de Contagem (MG). O Oficial de Justiça era esposo da 1ª vice-presidente do Sindicato dos Servidores da Justiça do Estado de Minas Gerais (SERJUSMIG), Sandra Margareth Silvestrini de Souza.   A diretoria da Fenassojaf reitera o luto pelas mais de 414 mil vidas perdidas ao longo da pandemia do novo coronavírus no Brasil, em especial, pelos 70 Oficiais de Justiça que não sobreviveram à doença.   “Reiteramos nosso empenho, desde março de 2020, para assegurar a saúde e a vida dos Oficiais em todo o país. E, mais uma vez, enfatizamos a importância de nos mantermos resguardados com a manutenção do trabalho, preferencialmente, pelos meios digitais. Hoje perdemos mais um colega da Justiça Federal, o primeiro da Seção Judiciária do Rio de Janeiro, e esperamos que seja possível cessar esses índices. Nossa luta primordial hoje é para que a Administração reconheça que, se somos atividade essencial, não devemos estar nas ruas sem vacina”, lamenta a diretora Mariana Liria.   A AOJUS se solidariza com os familiares dos colegas falecidos e envia condolências neste momento de dor.   Fonte: Fenassojaf
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia